site

Segue o líder invicto! Leão bate o Bahia fora de casa pelo Brasileiro de Aspirantes

26/ago

Líder e invicto! O Fortaleza continua fazendo uma grande campanha no Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Na tarde desta quinta-fera (26), o Leão bateu o Bahia por 2 a 0, no Estádio Jóia da Princesa, pela segunda rodada da segunda fase. Hércules e Erick Cunha balançaram as redes tricolores. Na tabela, o time soma seis pontos na primeira colocação do Grupo D.

+ Seja sócio! Seja sócia! Ajude o Fortaleza a ficar cada vez maior
Assine OnLaion por R$9,90 e tenha acesso imediato

Bahia x Fortaleza, pela 2ª rodada da segunda rodada do Aspirantes (Foto: Rafael Machado / EC Bahia)

O JOGO

O Leão começou pressionando e teve boas oportunidades com Thiaguinho, batendo na marcação, e com Wandson, que dominou na área e finalizou. Aso 20', Thiaguinho chegou com perigo novamente. O atacante pegou o rebote na entrada da área e chutou no canto para a defesa do goleiro. Com mais posse de bola e troca de passes eficientes, o Leão teve mais controle do jogo.

Aos 23', Vinicius quase faz um gol de bicicleta, mas o goleiro do Bahia fez um milagre e defendeu. Em pressão com linhas altas aos 25', Hércules apertou a marcação em chute do adversário e a bola acabou voando para o fundo das redes. Aos 27', Erick Cunha recebeu lançamento e finalizou de primeira para fazer o segundo do Fortaleza. Até o fim da primeira etapa, o Tricolor do Pici continuou tendo boas chances.

Foto: Rafael Machado / EC Bahia

No início da etapa final, o zagueiro João Paulo salvou o Leão tirando uma bola na linha do gol do adversário. O time baiano começou a ter mais controle do jogo, mas a zaga tricolor estava atenta. Depois, o Tricolor equilibrou. Habraão teve uma chance de marcar de cabeça e mais uma vez o goleiro do clube baiano defendeu.

Aos 29', Rhuan ocupou a vaga de Ericl Cunha. No minuto seguinte, Wandson fez jogada individual e quase marca um bonito gol. Miguel e Clisman também entraram nos lugares de Nathan e Wandson. Kennedy também se destacou salvando o Tricolor em várias oportunidades.

Escalação: Kennedy; Vinicius, Habraão e João Paulo; Nathan (Miguel), Pablo, Wandson (Clisman), Hércules e Vitor Ricardo; Thiaguinho (Negueba) e Erick Cunha (Rhuan).

Suplentes: Arthur, Rhuan, Miguel, Guilherme, Diguinho, Clisman e Negueba.

CAMPANHA

10 jogos
9 vitórias
1 empate
19 gols pró
4 gols contra

ARTILHARIA

Coutinho - 8 gols
Vitor Ricardo - 2 gols
Erick Cunha - 2 gols
Wandson - 2 gols
Negueba - 1 gol
Diguinho - 1 gol
Hércules - 1 gol
Clisman - 1 gol
Habraão - 1 gol