site

Fortaleza Basquete Cearense: parceria entre o Tricolor do Pici e o único representante do estado no NBB é fechada para a disputa da 13ª edição da competição

18/set
Fortaleza Basquete Cearense: parceria entre o Tricolor do Pici e o único representante do estado no NBB é fechada para a disputa da 13ª edição da competição

O Fortaleza Esporte Clube vai estar na primeira divisão de mais uma modalidade à nível nacional. A parceria com o Basquete Cearense para jogar a temporada 2020/2021 do Novo Basquete Brasil (NBB), promovido pela Liga Nacional de Basquete (LNB), foi anunciada nesta sexta-feira (18), e a equipe passará a se chamar Fortaleza Basquete Cearense. Desde que foi fundada, em 2012, a Associação de Basquete Cearense, participou de todas as edições do NBB. Neste ano, a equipe anunciou a volta do técnico Alberto Bial.

“O Fortaleza vai se consolidando como um clube que apoia outras modalidades, que atinge outros públicos e que, agora, vai estar na primeira divisão também no basquete. O NBB é uma competição super organizada, no formato de liga, em que os clubes são ouvidos nas tomadas de decisões, onde o espetáculo é visto como algo para entreter o torcedor além do jogo em si. E o Fortaleza vai somar a sua marca a um produto que já tem consolidação, atrair o nosso público e fortalecer institucionalmente o Fortaleza Esporte Clube à nível nacional em outra modalidade na primeira divisão”, destacou o presidente Marcelo Paz.

Thális Braga, presidente da equipe, ressalta que o acordo firmado não se trata de uma fusão, mas de uma parceria onde cada agremiação será responsável por setores onde suas respectivas marcas são mais fortes. "A parceria não prevê uma fusão, mas a união de forças onde serão aproveitadas as sinergias, explorando as potencialidades de cada parceiro. O Basquete Cearense entrará com toda sua expertise no mercado do basquetebol profissional, contemplando o gerenciamento de atletas, comissão técnica, contratações, logística, além do relacionamento institucional com as entidades de administração do basquetebol. Já o Fortaleza assumirá departamentos onde o clube atua muito bem, como marketing, comercial e comunicação, agregando ao projeto com o profissionalismo de uma gestão reconhecida nacionalmente e a força da leal torcida tricolor que, agora, terá mais um representante na elite do esporte nacional”, explica.

A expectativa do presidente do Tricolor do Pici é de fazer uma boa competição e de estar entre os maiores públicos do NBB. “Queremos levar o nosso torcedor ao ginásio, de ter, certamente, os maiores públicos do NBB, fazendo com que o torcedor do Fortaleza, o sócio torcedor tenha mais uma opção de estar perto do clube, de acompanhar, torcer, vibrar e de ter experiências saudáveis”, finaliza Paz.

Uniforme e sócio-torcedor

O uniforme da equipe também irá mudar. O branco e o laranja darão lugar ao vermelho, azul e branco e o tradicional escudo tricolor também chega para dar ainda mais peso. Outra novidade que a união trará é a possibilidade de integração do programa de sócios-torcedores das duas equipes. "Queremos que o basquete se torne mais um atrativo de lazer para a família tricolor, assim como já é para a família Carcará. Temos estudado diferentes cenários para viabilizar essa iniciativa e estamos confiantes que a adesão será expressiva. É uma parceria inédita que, definitivamente, coloca Fortaleza e Basquete Cearense em um novo patamar de excelência", projetou Thális Braga.

O novo uniforme está disponível em pré-venda pelo valor de R$ 179,90, com descontos exclusivos: 20% para sócios-torcedores do clube e 10% para o público geral. A compra pode ser realizada através do site: www.leao1918.com.br .

NBB 13

A 13ª edição da maior competição de basquete do Brasil manterá o número de 16 equipes na disputa: Fortaleza Basquete Cearense (CE), Bauru Basket (SP), Brasília Basquete (DF), Cerrado Basquete (DF), Campo Mourão Basquete (PR), Caxias do Sul Basquete (RS), C.A. Paulistano (SP), C.R. Flamengo (RJ), E.C. Pinheiros (SP), Minas Tênis Clube (MG), Mogi Basquete (SP), Pato Basquete (PR), São Paulo F.C. (SP), Sesi Franca (SP), S.C. Corinthians (SP) e Unifacisa (PB).