site

Comunicado Oficial

08/jan

O Fortaleza Esporte Clube, ao lado dos Clubes de Futebol do Brasil, irmanados, repudia este ataque de torcedores contra o elenco e diretores do Esporte Clube Bahia, dentro do centro de treinamento do Tricolor baiano.

Precisamos ter consciência da importância do momento que estamos vivendo, com a ascensão do nosso futebol e impedir que ações violentas se reproduzam nos clubes, manchando a imagem das grandes torcidas que temos na região. Esperamos que os envolvidos sejam punidos exemplarmente, quer cível e criminalmente.

A união dos clubes, através de seus departamentos de marketing, buscando ações integradas, é o caminho perene para a nossa consolidação no cenário nacional.

Futebol não é guerra. Futebol é alegria, entretenimento e paixão. E não podemos conviver com pessoas travestidas de torcedores, disseminando o ódio e a violência. Não tem sentido associar atos violentos com a prática do futebol. Torcer com amor pelo seu time e respeitar seu adversário é premissa número 1 do esporte.

Mais do que nunca, os Clubes nacionais subscrevem essa nota de repúdio e pregam a união e a harmonia, em torno de uma política de paz no futebol, buscando agregar todas as entidades e torcidas neste trabalho de conscientização, que possa transformar para melhor o esporte brasileiro.

Sport Club do Recife
Clube de Regatas Brasil
Fortaleza Esporte Clube
Ceará Sporting Club
Clube Náutico Capibaribe
Santa Cruz Futebol Clube
Coritiba Foot Ball Club
Centro Sportivo Alagoano
América Futebol Clube-MG
Cuiabá Esporte Clube
Club Sportivo Sergipe
Atlético Clube Goianiense
Esporte Clube Juventude
Club Athletico Paranaense
São Paulo Futebol Clube